Erros que você não pode cometer no eSocial: #3 e #4

Confira abaixo mais dois Erros da série de Zenaide Carvalho.
❌ ERRO 3

Deixar de comunicar o eSocial ao público-alvo.

Falamos no post anterior sobre o prazo (Erro 1) que resta até o eSocial entrar em vigor.

Os 4 meses que estão correndo não são suficientes para que todo o processo de implantação do eSocial seja finalizado.

E muitos  profissionais ainda estão sem saber como falar com seus públicos sobre as mudanças.

O eSocial atingirá a todos os empregadores do país e por isso é de suma importância que todos estejam informados sobre as mudanças.

Nas empresas, o público-alvo são os chefes de setores, gerentes, coordenadores e supervisores.

Eles não precisam conhecer detalhes do eSocial, mas precisam, sim, saber de que forma afetará a empresa e seu próprio setor, além de entenderem possíveis demandas que sejam destinadas a eles no processo de implantação, como alterações de rotinas.

Assista ao vídeo completo:

 

❌ ERRO 4

Achar que eSocial não trará custos.

Muitas pessoas estão com esta ideia errada, de que nenhum investimento precisará ser feito com a chegada do eSocial.

Errado.

Entenda o porquê no vídeo abaixo:

 

 

“O conhecimento teórico adquire força concreta somente quando colocado em prática.” (Masaharu Taniguchi)

Deixe seu Comentário!

Comentários