7 novembro, 2019

Auditoria Trabalhista 2.0: você precisa conhecer

ESTÁ SEM TEMPO? BAIXE AQUI O ARTIGO PARA VER DEPOIS

Você já deve ter percebido que já faz alguns anos que as empresas se renderam ao trabalho dos auditores trabalhistas. Elas estão convencidas que é fundamental e importantíssimo ter esse tipo de profissional atuante, principalmente, com o eSocial que chegou para ficar!

Afinal, agora está bem mais ágil a fiscalização por parte da Receita Federal. E, com isso, as empresas estão ainda mais atentas à importância da Auditoria Trabalhista!

 

Workshop esocial
Workshop eSocial

auditoria-trabalhista

Já imaginou o transtorno que uma empresa pode ter que enfrentar se tiver férias vencidas de seus funcionários? Ou horas extras não pagas e sequer calculadas?

E já pensou que, por isso, a empresa poderá ter que fornecer à Receita Federal todas as informações trabalhistas e administrativas atuais e dos últimos cinco anos?!

Portanto, a Auditoria Trabalhista tornou-se imprescindível dentro das organizações empresariais. E os Auditores Trabalhistas estão sendo buscados por empresas que já entenderam a importância do trabalho deste profissional.

Ou seja, as oportunidades de crescimento profissional estão aí identificadas no mercado de trabalho. Mas e você? Está de fato preparado, inclusive tecnicamente, para assumir essa função?  

Importância da Auditoria Trabalhista

O mercado não para e sofre a todo instante os reflexos dos avanços da tecnologia. Com isso, surgem novas tendências administrativas nas empresas e isso fez com que a Auditoria mudasse seus conceitos e dentre as ramificações deste segmento tem-se a Auditoria Trabalhista.

Os benefícios da Auditoria Trabalhista numa empresa são inúmeros e trazem vantagens específicas e rentáveis, tornando-se uma ferramenta de gestão eficiente e extremamente importante. 

O trabalho é preventivo e trata-se de uma análise rigorosa e minuciosa que vai ajudar a área de Recursos Humanos a executar suas obrigações e processos organizacionais. Com base em toda essa análise feita pela Auditoria Trabalhista tem-se um parecer técnico de toda a parte contábil e administrativa da empresa. 

Ou seja, a Auditoria Trabalhista não é mais um processo de investigação de falhas e erros, que possam ser cometidos dentro de uma organização empresarial.

auditoria trabalhista

A Auditoria Trabalhista tem, atualmente, a função preventiva de evitar falhas, erros, autuações e multas para a empresa. Com isso, fica claro que um auditor fiscal do trabalho tem por meta defender os lados da empresa onde atua: o empregador e o empregado.

O auditor fiscal do trabalho, que esteja bem preparado tecnicamente, vai evitar que o empregado, por exemplo, seja prejudicado e defenderá os direitos legais exigindo que as rotinas trabalhistas sejam executadas de maneira correta.

Já do lado do empregador, o auditor fiscal do trabalho dará aos setores de Departamento Pessoal e Recursos Humanos todas as informações estratégicas, que sirvam como parâmetro de ações de melhoria e correções para que não haja falhas administrativas e contábeis, que resultem em autuações ou ações reclamatórias trabalhistas.

Portanto, SAIBA QUE:

O auditor fiscal trabalhista precisa estar preparado e entender muito bem sobre as várias funções e setores do Recursos Humanos numa empresa. Saber sobre gestão de pessoas, legislação trabalhista e conseguir ser visto pelos funcionários da empresa auditada como um parceiro, e não como um ‘detetive carrasco’.

A importância da Auditoria Trabalhista é tamanha que cabe a ela integrar os departamentos da empresa e garantir a qualidade da gestão das pessoas por meio da execução dos processos de administração de pessoal.

Procedimentos da Auditoria Trabalhista

auditoria trabalhista

Vamos listar alguns dos principais procedimentos da Auditoria Trabalhista, que precisam ser feitas numa empresa.

  • Exame físico: é a verificação “in loco”. Por meio dela, o auditor tem a formação de sua opinião quanto à existência física de um item.
  • Confirmação: é um procedimento de auditoria que vai permitir ao auditor trabalhista ter respaldo por meio de documentação formal e isenta de pessoas independentes à empresa.
  • Exame dos documentos originais: trata-se de um procedimento voltado para a comprovação das transações que estão citadas e aparecem na documentação comprobatória. 

Neste caso, é preciso observar a autenticidade, a normalidade, a provação e o registro.

  • Conferência dos Cálculos: é um procedimento que será feito para verificar a adequação das operações aritméticas. Este é o mais comum dos procedimentos de auditoria. Porém, um dos mais importantes para o auditor trabalhista.
  • Investigação minuciosa: é uma ação voltada para o exame minucioso e profundo do assunto auditado podendo aplicar-se sobre um documento, uma análise, uma informação obtida.
  • Inquérito: trata-se da formulação de questionários e obtenção de respostas satisfatórias.
  • Observação: este procedimento é mais objetivo. Ele implica no envolvimento de constatação visual do auditor, dependendo de habilidades pessoais desenvolvidas no decorrer das experiências profissionais.

Este procedimento pode revelar erros, dificuldades, inadequações e deficiências, exigindo senso crítico muito aguçado para evitar juízos de valor sem embasamentos.

Auditoria Trabalhista 2.0

auditoria trabalhista

Vamos frisar novamente que o trabalho do Auditor Trabalhista não é investigar!

O único objetivo do trabalho desse profissional é verificar o grau de confiança, segurança e conformidade das informações, que são produzidas pelo Departamento Pessoal da empresa. Qualquer falha nesses procedimentos, a Receita Federal irá identificar de maneira rápida por causa dos reflexos do e-Social.

Existem alguns processos de trabalho que serão levados em conta pelos auditores trabalhistas, tais como:

  • Pré-admissão e admissão;
  • Folha de pagamento;
  • Jornada de trabalho;
  • Processos de demissão;
  • Reclamatórias trabalhistas;
  • Gestão do risco trabalhista/previdenciário;
  • Benefícios;
  • Adequação do contrato de trabalho;
  • Terceirizações;
  • Cálculo dos encargos sociais e previdenciários, incluindo a Contribuição Previdenciária sobre a Receita Bruta (CPRB);
  • Segurança e medicina do trabalho.

Ao se aprofundar nesses processos, o auditor trabalhista conseguirá fornecer dados e informações exatas para nortear ações corretivas e que vão melhorar a gestão administrativa e de pessoas na empresa.

E nós sabemos que estudar e se preparar para o mercado de trabalho garantem diferenciais significativos na hora de buscar seu espaço.

E para se tornar um auditor trabalhista não é diferente! Pelo contrário, exige-se muito conhecimento, estudos e atualizações sobre este setor tão promissor nas carreiras profissionais que cercam a área de Recursos Humanos e de Departamento Pessoal.

E você? Já conhece nosso curso sobre Auditoria Trabalhista?

Conheça o curso de Formação de Auditor Trabalhista da Nith.

Até breve!

Fica autorizada a publicação e o compartilhamento desde que citadas autora e fonte: www.zenaide.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *